Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

segunda-feira, janeiro 07, 2013



Nas pessoas alegres parece que a tristeza se nota mais. Talvez por ser rara. Ou então por ser um contraste muito grande entre um estado de espírito e outro. Estamos habituados a ver um sorriso, habituados a uns olhos de riso e depois aparece uma cara fechada, uma ausência de sorriso, uns olhos tristes...
Nota-se imenso!
Eu sou uma dessas pessoas alegres. Quase todos os dias alegre. Quase todos os dias a procurar o sorriso dos outros. Talvez por isso, quando é o meu sorriso que falta, os outros notem tanto. E depois surgem as perguntas... "O que tenho? Qual o motivo de estar assim?"
Muitas vezes nem é por nada em especial, apenas nesse dia, acordei assim, sem grande força para rir. Apetece-me estar mais sossegada do que animada, mais observadora do que faladora. Outras vezes há mesmo motivos para estar triste...
Certo é que todos notam. Não dá para disfarçar. Se os olhos são o espelho da alma, então os meus nunca mentem. Sempre me disseram que tinha uns olhos muito expressivos. Portanto isso tanto se nota nos dias bons como nos dias maus. Acho que mais do que os lábios que se fecham numa linha fina, são eles, os olhos, que mostram aos outros que me falta o brilho habitual. Ficam pingões, os cantos descaem e a minha cara, tão vincada pelos meus olhos, muda logo.
Sou transparente... E por vezes quem me dera não o ser, para que não me façam perguntas, para que me deixem no meu canto, para que passe despercebida!
Mas em mim, a tristeza... não dá mesmo para disfarçar

10 comentários:

Sandra Silva disse...

Não é só hoje...tua alegria constante tem andado um pouco ausente...

Ovelha Flor Guerreira disse...

Vamos lá animar, para esses olhos irradiarem felicidade!

Quase nos "entas" disse...

ai....venha mas é o VERANO....pa malta ARRIBAR :)))

homem sem blogue disse...

Nem deve ser disfarçada. Assim via-se embora mais depressa.

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

Susana Miranda disse...


Consegues superar…

Ânimo!
Coragem!
Força!

Para esses olhos brilharem novamente!

Eros disse...

Pois eu quando fico invadido pela tristeza, refugio-me de todos. Há quem diga que gosta de escrever quando está triste, pois quando está feliz gosta de andar a desfrutar, saltando de nenúfar em nenúfar... mas eu gosto de escrever sobre a Felicidade... aí reside a dificuldade de imortalizar em palavras a Beleza que nos transcende. Quando estiveres quedada... surge aqui, que nós irradiamos-te algum Sol! ;)

Beijinho

Somente EU disse...

Concordo com tudo o disseste, só não gosto de ter ver assim, :(.

beijinhos e boa semana.

Libelinha disse...

Também sou assim ;)

*C*inderela disse...

Identifico-me. Mas toca a animar, que 2013 tragar muitos e bons motivos para sorrir :)

Bom ano. BJokas.

Urso Misha disse...

Concordo com o que escreves-te, procura o que te faz e quem te queira bem, desabafa e exterioriza...