Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

quarta-feira, janeiro 30, 2013


Já passaram 30 dias, 720 horas... Chegou a hora de fechar o círculo!

 
 
Será que é assim tão difícil pedir desculpa quando erramos?
Ou somos tão arrogantes ao ponto de não percebermos que fizemos merda.
Ás vezes acho que a palavra “desculpa” vem envenenada, daí a dificuldade em ser pronunciada.
Mas somos humanos, e é normal errarmos, o que não é normal é não sermos capazes de assumir.
Mas pior que não saber pedir desculpa é ter a memória curta! (rimou, mas é verdade)
Lembraste de quando juravas que acontecesse ou que acontecesse seríamos sempre amigos?
Ou fui eu que imaginei?
Lembraste de me dizer que eu te fazia bem, que as nossas conversas te alegravam, que o meu sorriso era lindo e contagiante?...
Ou continuo a imaginar?
Lembraste quantas vezes eu te ouvi, quantas vezes te aconselhei, e quantas vezes fiquei calada só escutando os teus desabafos…
Que imaginação a minha…
Provavelmente também não te lembrarás dos momentos mais “íntimos”… lá está a minha imaginação a voar outra vez!
Mas o que eu nunca imaginei foi que pudesses ser tão frio e calculista.
Assim do nada! De um dia para o outro…
Um e-mail… frio, arrogante, totalmente isento de sentimento.
A amizade “eterna” terminou com um e-mail… assim foi fácil, não foi?
E depois? Bem… depois foi o desprezo total…
Quero que saibas que não te julgo, nem te guardo rancor, e também não lamento os meses em que julguei ter um “amigo”, não sei se te ajudei, se te fiz rir, se realmente te sentias bem comigo, ou se simplesmente mentias!
Provavelmente fui o passatempo das horas mortas.
Sinceramente já não me interessa mais, tudo o que fiz foi de coração, dei-me o quanto pude, dar-me-ia mais se… não é relevante agora!
Hoje, neste preciso momento, decidi que dispenso as tuas desculpas!
Porque chega a uma altura em que os arrependimentos são tardios, e as mágoas quando marcam jamais serão esquecidas!

(A partir de hoje o Lírio vai mudar de rumo...)

18 comentários:

ABT disse...

Lírio, não ter pedido desculpa não significa que não se sente mal -- significa apenas que não teve coragem (ou discernimento) na altura certa e agora acha que é tarde demais, porque perdeu o sentido de timing.

A ausência de notícias também não significa que não sinta a tua falta, mas (seguindo a lógica acima) acha que não será bem recebido e, portanto, nem se atreve.

De qualquer forma, a única coisa certa é: agiu mal. E se acha que não errou: não te interessa. E se acha que errou mas não tem coragem de pedir desculpa: não é forte e interessante o suficiente para estar ao teu lado e, portanto: não te interessa.

De fracos não reza a história. Vira essa página! Ficamos a torcer por ti*

Sorriso disse...

As vezes acontece isso e não só a ti a muitos que têm sensibiliddae para ver o outro como ser humano.
Há pessoas para quem a amizade é palavra vã ou então saltam de "amigo" para "amigo" como se fossem meras peças de xadrez. :(
Por mais que custe, só merece a nossa consideração quem vale a pena, esquece.

Um Bom dia para ti.
Beijinho

LIRIO SELVAGEM disse...

Quero que fique claro, eu não lhe quero mal e continuo a ter por essa pessoa um carinho enorme, porque há coisas na vida que não esqueço.

Beijos minhas queridas

Mam'Zelle Moustache disse...

Não tenho nada a ver com essa tua história, como é óbvio. Mas acho que fazes muito bem em deixar de esperar o que quer que seja dessa pessoa. Se efectivamente te enviou um email cheio de desprezo, é isso mesmo que essa pessoa merece de volta. Segue em frente. Quem sabe a tal pessoa não sinta a tua falta e se arrependa.

(tinhas mesmo de colocar uma foto com um gato?! Terceiro... terceiro que vejo por esta blogosfera hoje. Irrrrra!!)

ABT disse...

As duas coisas (o carinho e a ausência de rancor) saem muito claras dos teus textos, Lírio. Não te preocupes.

Mas virar a página não significa fazer de conta que aquela pessoa não existiu. Significa apenas perceber que não é a pessoa certa para estar ao teu lado, sentimentalmente falando. Porque esta atitude é o espelho da forma como ele lida com os seus sentimentos e com os erros que comete. E é melhor perceber os sinais na altura em que eles se mostram, do que viver com essa realidade, no dia-a-dia, mais tarde.

Não é fácil abdicar de um sentimento que achas sentir -- mas quanto desse sentimento é constituído por memórias reais complementadas pela tua imaginação até parecerem gestos perfeitos? Se concluires que ele tem o seu peso na tua vida mas tens de seguir em frente, vira a página. Se concluíres que nada foi complementado pela tua imaginação, liga-lhe tu.

No fundo [e esta é a opinião de quem não conhece nada da história] se tivesses qualquer dúvida de que este gesto não é realmente característico dele, já lhe terias ligado [preocupada com ele!]...

Mas volto a referir... esta é a opinião de quem não conhece nada da vossa história* Tu, melhor do que ninguém, saberás como agir. Beijinho*

Somente EU disse...

Eu nem sei o que te diga, tenho uma definição tão clara do que é o Amor e do que é amar que não entendo, desculpa.

Acho e gostava que seguisses em frente, mereces ser feliz.

beijinhos e este também é do coração.

LIRIO SELVAGEM disse...

Tu e a aversão a gatos Mam'Zelle...
Nem com 2 patas?

LIRIO SELVAGEM disse...

É uma excelente opinião ABT, tens toda a razão. Daí eu dizer que se fechou o círculo.

Urso Misha disse...

o orgulho às vezes é lixado e pode estar a pesar a opção de não falar, eu nunca fui muito disso (orgulho) até com razão falo, mas às vezes também armo a burra quando já é demais.

LIRIO SELVAGEM disse...

Tal como eu disse Ursinho, chega a um ponto em que os arrependimentos são tardios, hoje foi o dia!

Urso Misha disse...

pois só espero que da outra parte não se arrependa daqui a 1 ou 2 dias...

LIRIO SELVAGEM disse...

Temos pena... teve 30 dias para o fazer, decerto não se arrependeu!

Eros disse...

Muda então de Rumo... e que venham boas marés!

Beijinho*

LIRIO SELVAGEM disse...

Vais notar Eros... Garanto-te!
*Beijos*

Mister Charmoso disse...

Custa tanto fechar o circulo e nem sempre é quando queremos
Desejo-te uma semana o melhor possivel e que continues a postares post´s bem engraçados.
Uma beijoca charmosa e aguardo a tua visita no meu cantinho

Sandra Silva disse...

Assim sendo, é tempo de virar a página!

;)

É tempo da Lírio flo(sor)rir.

mary disse...

Eu acho que há situações que nem um pedido de desculpa ajuda. Já passei por isso com uma amiga... Um dia destes escrevo qualquer coisa sobre isso no meu blog. Trouxeste-me os sentimentos à flor da pele acerca desse assunto...

Mam'Zelle Moustache disse...

Isso é pergunta que se faça, Lírio...? ;p