Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

sexta-feira, setembro 21, 2012



Quando partiste disseram-me que a dor iria passar e a saudade acalmar.
O tempo... [esse inimigo traiçoeiro] iria ajudar.
E, eu que nunca tinha passado por nada semelhante, acreditei.
Nesse dia o meu peito estava pronto a explodir de tanta dor, mas eu aguentei, por ti...
 lembrei-me das tuas palavras nos momentos mais tristes:
"Minha filha, quando a vida te trouxer sofrimento, dá-lhe um sorriso..."
Os anos passaram... Doze no total...[tanto tempo...]
Sabes pai... mentiram-me descaradamente...
A dor não passou, e a saudade não acalmou.
Quero-te aqui... se eu pedir muito, voltas?
Se eu prometer portar-me bem, vens contar-me uma história?
Depois... ajeitas-me o edredon, e dás-me um beijo?
Vem pai, por favor... só hoje...
Deixa-me sentar ao teu colo, e encher-te de beijos neste dia tão especial.
Vem convencer-me que ainda sou a tua princesa... [já perdi a coroa há tanto tempo]
Fala comigo... quero ouvir a tua voz, só mais uma vez.
Sentir o teu cheiro e dar-te os parabéns.
Feliz Aniversário pai, onde quer que estejas...

16 comentários:

Mam'Zelle Moustache disse...

Parabéns ao teu pai, Lírio. Está, com certeza, a olhar por ti.
Entendo as tuas palavras e tocam-me particularmente. Também, há 12 anos, perdi a pessoa mais importante na minha vida. E as saudades aumentam a cada dia que penso nela...

Libelinha disse...

Que lindas palavras. E esteja ele onde estiver... Estará a olhar para ti certamente. Não tenho dúvidas disso ❤

Um beijo e um abraço forte

LIRIO SELVAGEM disse...

Obrigada minhas queridas, beijinhos às duas...

homem sem blogue disse...

Amei as tuas palavras

beijos e muita força :)

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

LIRIO SELVAGEM disse...

Obrigada HSB, beijos

Susana Miranda disse...

Lírio

Entendo a tua dor e mágoa…também perdi duas pessoas importantes na minha vida. Por mais que digam “ o teu tudo cura” . Relativo…depende do tempo (luto), que cada pessoa necessita, especialmente os laços emocionais com a pessoa.

Tenda relembrar os bons momentos que passaram…atenuar um pouco a angústia.

O teu pai estará sempre no teu coração…

Beijinho com carinho <3

Susana Miranda disse...


O teu (pretendia dizer o tempo)

Bj

LIRIO SELVAGEM disse...

Eu entendi Susana, obrigada pelas tuas palavras. beijo

Skin n Under disse...

Somos pedaços de quem nos fez e quem nos fez vive para sempre em nós.

Brenda disse...

Não podia não deixar uma palavra, o pior que nos pode acontecer é perder quem amamos.

Um beijo

LIRIO SELVAGEM disse...

Obrigada Brenda, beijos

LIRIO SELVAGEM disse...

Palavras sábias Skin... ele viverá em mim, enquanto eu viver...

Dúvidas e Certezas disse...

Não posso deixar de me sentir triste ao ler as tuas palavras, só consigo imaginar o vazio que nunca será preenchido. Dizem que além da enorme saudade, fica a tranquilidade. Que esta te faça companhia!

Somente EU disse...

Sabes a tristeza com que fico ao ler estas publicações do teu pai, as lágrimas acabam por sair sempre, já perdi a conta das publicações que comentei e nunca há palavras para preencher esse vazio e não tenho palavras, nunca terei.

Deixo-te um beijinho e digo-te que ele está sempre vivo em ti e nunca perdeste a coroa, ela está sempre presente.

As memórias estão sempre presentes e ele tem todos os dias orgulho na pessoa que és porque no fundo ele nunca partiu.

beijinhos e bom fim-de-semana

G. disse...

Um beijo grande para estes dias que são os mais tristes da nossa vida.
O meu pai tb n está comigo há seis anos, mas sei que onde ele está, está melhor depois da doença que o fez estar 20 anos sem poder exercer qualquer atividade.
Há uma frase se Sto Agostinho que digo, e que tenho na lápide do meu pai: " Não estou longe, somente estou do outro lado do caminho".

Belas palavras par ao teu pai. Estará muito orgulhoso de ti, de certeza.

Beijinhos.

Quase nos "entas" disse...

Beijo enorme minha amiga...
A dor não diminui...apenas aprendemos a viver com ela....
força querida