Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

segunda-feira, setembro 24, 2012

Já por diversas vezes disse que nunca vi a casa dos segredos, nem irá ser agora que vou começar a ver, irrita-me aquele tipo de programa, onde segundo dizem nada se aprende, pelo contrário tudo se [des]aprende.
Mas…
Há sempre um diabo d’um mas… hoje na hora do almoço tive de aturar uma moçoila na mesa ao lado, com uma revista cor de rosa na frente, e como se isso já não bastasse para me irritar ainda resolveu telefonar a alguém, que imagino , tal como ela deve ser fã do dito programa, e começa a ler a dita revista…
Não, não estou a exagerar, ela levou uns 15 minutos a ler na íntegra a reportagem que falava de alguém que tinha namorado, deixou de ter, porque entretanto já arranjou outro na casa dos segredos, que de segredos terá muito pouco.
Ora bem… numa altura em que o país se debate com a TSU, com o IRS, com subsídio de Natal que nos querem roubar, com reformados a verem as suas reformas emagrecerem a cada dia, com a taxa de desemprego a subir em flecha… etc…
É de louvar que ainda haja jovens preocupados com os supostos namoros dos participantes do famoso reality show, ao ponto de nem se preocuparem com a conta do telefone…
O operador de comunicações agradece!

10 comentários:

Quase nos "entas" disse...

são MOCHES amiga....

Ou extravaganzas.....
não pagam....
e não pensam....por isso vêm essa coisa...deprimente :P

NightDark disse...

Atenção, nenhumas chamadas são à borla...tudo é pago!!

Cisca disse...

Também não suporto essa "casa"! Credo!

homem sem blogue disse...

Começo a não perceber quando é que essas atitudes são um escape aos problemas ou uma espécie de segunda realidade das pessoas

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

Dúvidas e Certezas disse...

Eu entendo aquilo como um entretenimento igual a tantos outros, é tal e qual uma outra novela qualquer.

Viver aquilo como se fosse real é que é estranho.

G. disse...

Concordo com o hsb que menciona que são um escape para a real tristeza que Portugal vive.
Falo por mim. Não via telenovelas há anos e agora vejo-me "pegada" a uma, pq se vê gente bonita, bem vestida, diálogos interessantes, problemas de sociedade (dos mais ricos), e praticamente não existe pobreza...
É para esquecer um pouco o que se passa na realidade e viver noutro "mundo", enquanto o presente continua a ser muito cinzento...

Ana Rita disse...

Casa dos Segredos. . . belheque! Não vejo! Não quero ver! É um atentado a tudo, principalmente e tendo em conta que são jovens que lá estão que só se importam com a aparência e se lhe perguntarem o que é a Troika ou quem é o primeiro ministro, nem sabem responder. Não perco tempo a ver programas televisivos deste género, não critico quem o faça, mas eu simplesmente não gosto.
Bjs

Sorriso disse...

Eu também não compreendo como se pode gastar tempo e já nem falo em dinheiro a falar de reality shows. Ao menos vão para longe falar dessas coisas e sejam felizes!!

Inês de Sousa disse...

Acontece em todo o lado. A malta utiliza o programa para falar de algo sem ser a crise. Mentalidades pequeninas, é o que é.

Jingas disse...

... só vi um reality show até hj, o BB1... ainda assim ocasionalmente e foi tempo perdido, mas é o que o povo gosta.

vende publicações e dá audiências... um programa que retrata a nossa verdadeira essência