Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

sexta-feira, setembro 28, 2012

Ela estava ainda a aprender.
A tentar desenvencilhar-se de si própria.
Não estava habituada.
Nunca lhe tinham ensinado a partilhar.
A partilhar-se.
Toda a sua vida tinha estado à margem dos outros.
De se dar.
Tinha vivido sempre na sua própria concha.
Mostrava apenas o estritamente essencial.
Não sabia que coisa era essa de dividir os sonhos e os medos com outra pessoa.
Nunca tinha partilhado uma mesma frequência de pensamento com alguém.
Faltava-lhe a técnica.
Mas estava a aprender....

8 comentários:

Jingas disse...

está viva!!!

NightDark disse...

Nunca é tarde para aprender...

PM disse...

Também tenho de aprender melhor isso tudo...

Skin n Under disse...

A aprendizagem ditará o seu futuro.

Sorriso disse...

Quem quer que seja está a aprender a VIVER!

O Sexo e a Idade disse...

Não é facil...

homem sem blogue disse...

Concordo com a Jingas :)

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

Libelinha disse...

Não é fácil partilhar sonhos e medos mas... No fim vale a pena ;)