Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

sexta-feira, novembro 09, 2012




O dia amanheceu triste!
As nuvens negras escondem o azul do céu...
Proibindo assim o Sol de brilhar...
É como se todo o universo, sentisse a minha dor...
E chorasse comigo...
Estou triste...
Dói-me coração!
O céu lamenta a minha dor, e pouco a pouco, as lágrimas começam a cair em forma de chuva.
Tão lentamente...
Parecem cristais líquidos, que se desfazem em contacto com a terra árida!
Pelo meu rosto, as gotas também escorrem...
Quentes...
Como se quisessem trazer de volta à vida um coração demasiado moribundo, já frio...
Quase morto!...
A chuva começa a cair com mais intensidade...
Com a cabeça encostada ao vidro da janela, as minhas lágrimas, confundem-se com as gotas da chuva...
Este coração doente perdeu a esperança
Hoje... Aqui... Neste momento, só o silêncio impera!
E, chego a sentir saudades de algo que nunca foi meu...
O meu peito dói!
A respiração falha!
Da minha garganta nasce um soluço abafado!
Um choro incerto... entre o lamento e o pranto!
Choro goles de palavras aos pedaços...
Engulo a minha tristeza...
E faço um pacto com a chuva...
Um pacto secreto... muito secreto!



[E virei a página do livro da minha vida.]



8 comentários:

NightDark disse...

Espero que esse virar de página seja mesmo para melhor, porque nos últimos tempos tem chovido bastante aí para os Algarves...

Flow disse...

E com o virar da página, uma nova esperança :) Força!

Um beijinho

Libelinha disse...

Um grande abraço ❤

Estou à distancia de um mail... Sempre que quiseres ;)

Maria Misteriosa disse...

Como a beleza também pode ser bem triste, dorida, partida...é precisamente assim que me estou sentindo...agrava o facto de ter que a engolir, dissimulá-la, aliená-la em público. partilho o teu estado de alma excelentemente descrito.bj

homem sem blogue disse...

Aproveita o fim-de-semana para te divertires. Faz aquilo de que mais gostas e abandona esse estado de tristeza!

beijos

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

PM disse...

Bem...nem sabes como o teu texto é quase um decalque daquilo que tenho pensado e sentido nos últimos meses. A página é que vai abanando com o vento, mas vai-se virar. Não há outra alternativa.

Bom fim-de-semana, dentro do possível é claro ;)

Sorriso disse...

O dia seguinte é sempre um novo dia anima-te!

Anónimo disse...

Minha , querida espero que tenhas passado um bom fim de semana e que tragas boas energias, sabes porquê??porque gosto do que escreves fazes falta. Um grande beijo volta