Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

quinta-feira, novembro 15, 2012



Com quem se partilha a solidão?


Com ninguém...


A solidão é zero, e o zero é indivisível.



[Não é permitido quebrar as regras do jogo!]





11 comentários:

Eros disse...

Verdade insofismável!

LIRIO SELVAGEM disse...

Bom dia Eros, sem dúvida...
:(

Flow disse...

:( Já que não se partilha, o melhor é mesmo acabar com ela... E como se acaba com a solidão?

Um beijinho e um bom dia :)

LIRIO SELVAGEM disse...

Não se acaba Flow, a solidão é um estado de espírito que de vez em quando faz falta.
Beijos de bom dia

Libelinha disse...

A solidão faz bem e partilho-a comigo mesma, com os meus vários eus! É o tempo onde se eles se organizam ;)

Carolina Duarte disse...

Gosto muito de ter os meus momentos de solidão. Começo a ficar irritada quando não os tenho.

LIRIO SELVAGEM disse...

Libelinha, a solidão só faz bem quando é uma opção nossa.
Mas quando é imposta pode ser até bastante cruel.

Beijos

LIRIO SELVAGEM disse...

Precisamente Carolina, foi o que respondi à Libelinha.
Bem vinda (não sei se é a primeira vez)

NightDark disse...

Concordo, sem tirar nem pôr!

G. disse...

Grande verdade. A solidão não se partilha e sentimo-la connosco. Desabafamos com ela, como o nosso eu. Difícil mesmo é outras pessoas entenderem que muitas vezes precisamos desse espaço.

Somente EU disse...

A solidão é o pior dos estados que podemos ter, embora necessária, às vezes para reflectir somente, deve ser partilhada sempre que possível com as pessoas que nos apoiam e com os amigos.

beijinhos.