Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

terça-feira, agosto 21, 2012


Para mim, a arrogância está para as pessoas da mesma forma que a descrição do Ramalhete está para Os Maias. Corta o interesse. Não avanço mais. E não consigo ignorar a arrogância da mesma maneira que a minha Professora queria que eu saltasse o capítulo da descrição do Ramalhete. Não li o livro, nem obrigada. Não dá. Não consigo. E não suporto gente arrogante.

8 comentários:

NightDark disse...

Xiii...começas bem a manhã...calma, porque o Sol vai aparecer :)

Uena disse...

ahahahaha
que foi?
que refilona :D
e os maias é bastante giro até :P

LIRIO SELVAGEM disse...

Pode até ser Uenita... mas perdi a pica com tanta descrição de paredes e quadros... eheheheh
Refilona é o meu nome do meio...
:)

Somente EU disse...

Como dizia uma amiga minha: "O mundo não é perfeito" e temos que viver com as imperfeições de alguém, é estranho como amigas, passam para conhecidas ou inimigas não acredito na "amizade" mas em provas de amizade e é nos piores momentos que vemos quem temos ao nosso lado e quem não temos, ironia do destino ou vontade das pessoas.

beijinhos

O Sexo e a Idade disse...

Eu dos Maias até gostei...agora gente arrogante é que só à chapada!

LIRIO SELVAGEM disse...

Nem dos Maias nem de gente arrogante... grrrrrrrrrrr

G. disse...

Eu adorei os Maias!! Li-o numa semana! Mas o melhor livro do Eça, é o Crime do Padre Amaro. Não tem nada a ver com o filme, apesar de achar o filme muito bom.

Não suporto gente arrogante e cada vez há mais... Ainda hoje foi comentário no departamento, onde perguntam por "aquela que anda por aí, sempre de chaves na mão, de um lado para o outro", como se n fizesse nada... É a engenheira e que supervisiona edifício, além de estar horas em frente ao pc, fazer medições e tanta coisa. Não por ser eng.ª, mas faz muito mais que muitos q andam lá a passear, sem fazerem nada, de nada.
A atitude diz tudo...

Susana Miranda disse...


Dos Maias também gostei…

Também não suporto pessoas arrogantes (presunçosas), pensam que o mundo gira à volta delas!

A explicação…algum recalcamento ….meio alguma frustração…