Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

terça-feira, fevereiro 26, 2013


QUANDO UM PEQUENO GESTO FAZ TODA A DIFERENÇA...


Principalmente quando a vida de muitas  crianças e adultos, dependem de um pequeno gesto nosso.
Doar medula óssea não mata, não dói, e não nos prejudica já que a medula regenera rapidamente...
E dá esperança de voltar a viver a quem precisa.
Aqui fala-se do Rodrigo, mas podíamos falar da Ana, da Rita, do João, do Pedro, etc...
Pode ser o vizinho, o amigo, o familiar...
Nunca sabemos quando poderá bater à nossa porta uma situação semelhante a esta.
E mais que gesto de profunda generosidade, é um gesto de amor...

(Vou contar-vos uma pequena história do Santiago, uma criança de 4 anos que conheci há uns anos atrás no Hospital da Marinha, quando precisei de fazer tratamentos hiperbáricos, era uma criança irrequieta, [como o são todas as crianças da idade dele], de olhos grandes e expressivos... só lhe conseguia ver os olhos, já que usava máscara de protecção, chegavamos sempre à mesma hora, lá vinha ele... falador... com a mãe e a irmã bebé.
Um dia resolveu falar comigo, sentou-se a meu lado e sem que eu lhe perguntasse algo disse-me:
"Sabes, eu estive muito doente... (pausa...senti um nó na garganta e os olhos a humedecerem), queres ver a minha cabeça? Não tem cabelo... mas vai crescer...
Queres conhecer a minha irmã? Foi ela que me salvou... Sabes porque ela nasceu?
Para me salvar."
E continuava falando sem parar... como é normal nas crianças, mas eu deixei de ouvi-lo, a minha atenção estava virada para aquela mulher ainda jovem, que se notava a falta de bens materiais, mas que não hesitou em ter outro bebé mesmo sem condições, para poder salvar o outro filho...)

Se isto não é amor... Expliquem-me o que é.

{foi um pedido especial de um amigo, foi de coração Sérgio}

3 comentários:

Mariposa Colorida disse...

Não podemos mesmo! Obrigada pela partilha!

Flow disse...

É amor sim! :)
Beijinho

Somente EU disse...

Comovi-me com a tua história mas já sabes como sou.

Apesar de estar ausente não podia deixar de agradecer este teu grandioso gesto, o meu muito obrigado.

És uma pessoa muito querida e sabes que tens sempre um lugar no meu coração.

beijinhos e bom fim-de-semana.