Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

quarta-feira, fevereiro 13, 2013


É quando não consigo chorar que sei que estou verdadeiramente triste.

8 comentários:

O Mesmo Gajo disse...

Mimo grande prá Liriozinha!!

:-**********

Lirio Selvagem disse...

Ahh andas por aqui...
Pensei que estavas ausente!
Obrigada pelo mimo. :)

Alexandra disse...

Choras por dentro e esse é um choro que vem das profundezas da alma! Beijinhos!

Flow disse...

Eu percebo :) Também sou assim...

Somente EU disse...

Infelizmente percebo-te, no outro dia estava assim, quando alguém me enviou um beijinho do coração.

beijinho do coração.

PS: Não gosto de te ver assim ou de ter a ideia que estás assim.

Sorriso disse...

A dor é maior quando não se chora..

Aqui vai um abracinho daqueles que não se dá na realidade, mas que conforta pensar.:)

Quase nos "entas" disse...

estou aqui...á distançia de um click.. ou de um toque...
bjos

Suricate disse...

Conheço muito bem esse aperto, mas eu tenho a felicidade de chorar, chorar muito, quando não conseguimos doi ainda mais. Vale o que vale, sei que me conheces ainda mal, mas se e quando precisares podes falar comigo, estarei sempre aqui, ou no meu cantinho disponível para ti:)

jinho