Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

segunda-feira, abril 08, 2013



Algumas pessoas  escrevem pela arte, pela linguagem e pela literatura.
Esses sim, são os bons.
Eu apenas  escrevo para fazer afagos.
E porque eu tinha de encontrar uma forma de poder  alongar os braços, e estreitar distâncias.
E existem muitas distâncias em mim (e uma enorme timidez).
Muitos escrevem grandes obras.
Eu só escrevo pequenos bilhetes para escondê-los com todo cuidado debaixo das portas.
Alguns são encontrados, outros nunca foram lidos... e assim se perdem sinais de esperança.

10 comentários:

Suricate disse...

E que lindo foi o afgo destas tuas palavras minha flor Agreste:)
Obrigada por elas.
Recebi o teu bilhete debaixo da minha porta.
Obrigada!
Boa Semana

jinhossssss

Sandra Silva disse...

Só poderias ser tu a deixar-me este bilhete! ;)

bjs menina do sul pensinsular...

O Mesmo Gajo disse...

Está inspirada....!!!

Fim de semana em grande, ou saudades de nóses??

Bjo*

MS disse...

E ainda bem que pessoas como tu escrevem! :)
kiss kiss

esquecimedeviver disse...

Minha querida eu não escrevo nada e lá vou deixando fluir apenas o que me vai na alma no momento.
Andas muito inspirada!
Boa semana.
Bjs

Canca disse...

Que lindo. O teu bilhete roubou-me um sorriso. Eu que escrevo para partilhar, para dizer de mim, eu que nunca fui boa com as palavras, porque elas nunca souberam expressar a profundidade dos meus sentimentos...

Beijos

Se não me agarras ... eu caio!! disse...

A escrita é uma forma de exprimir tudo o que se esconde cá dentro. Também eu sou muito timida, duranta a adolescencia, foi muito complicado, muito mesmo ... era uma timidez tão grande que eu não conseguia falar sem me engasgar em cada palavra. Horrivel!! Os anos foram passando e fui aprendendo a rir dos meus defeitos, hoje estou longe de ser uma pessoa extrovertida, mas vivo muito bem comigo mesma. Por isso minha amiga, não escondas os bilhetes debaixo da porta, escreve-os em letras bem gordas para que todos os vejam e para que não se perca nenhum sinal de esperança.

Um beijinho muito grande

homem sem blogue disse...

E fazes bons afagos :)

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

SuperSónica disse...

Acho que fazes bem em escreveres o que te vai na alma...

Somente EU disse...

Há pessoas assim que escrevem como tu, palavras para quê. Escreves com o coração e isso é raro, :)

beijinhos e boa semana.

PS: Parabéns pelo belíssimo texto.