Certa madrugada fria irei de cabelos soltos ver como crescem os lírios. Quero saber como crescem simples, belos e perfeitos!Ao abandono nos campos...

quinta-feira, dezembro 27, 2012




Hoje senti uma vontade louca, de largar tudo, colocar uma mochila ás costas e partir à aventura, sem destino, sem telemóveis, sem mapas ou GPS...
Esquecer família e amigos!
Procurar sonhos e liberdade!!!
Fugir desta vida, monótona e certinha, que me devassa por dentro, e esconde a pessoa que tantas vezes gostaria de mostrar...
Queria esquecer horários e compromissos!
Esquecer que existem relógios, e guiar-me pelo Sol e pelas estrelas!
Dormir ao luar e pedir desejos a cada estrela cadente...
Acordar ao som melodioso do cantar das aves!
Mas sobretudo, queria esquecer quem sou!...
Foi só um desabafo!!!
Para amenizar a dor de mais um caldo que a vida me deu.
Definitivamente...hoje não estou muito inspirada para escrever..

8 comentários:

Ovelha Flor Guerreira disse...

Apesar de ser um post que deixa transparecer dor e sofrimento, o que lamento, estás muito inspirada para escrever!

NightDark disse...

Minha Querida Lirio, partilho da mesma vontade, mas não seria só para satisfazer o "hoje", mas sim o resto da minha vida ;)

Força!! Arrebita! :)

Desbocado disse...

Percebo-te perfeitamente, hoje também me senti assim. por isso venho para a blogosfera :) Se quiseres falar manda me um mail :)

Um beijinho

DESBOCADO!

Sorriso disse...

Que esse estado de espírito melhore bem depressa Lírio.
Claro que tens orgulho de seres quem és, isso são dias que todos temos.
Amanhã acordas e vais ver que tudo está bem melhor!
Envio-te um beijinho reconfortante de amizade.

Somente EU disse...

Também tenho essa vontade mas tenho pessoas que dependem de mim e discordo de uma coisa: "Esquecer família e amigos!" nunca, sem eles a vida não tem qualquer sentido.

beijinhos

Libelinha disse...

Hoje também acordei com essa vontade...

Beijinho

LIRIO SELVAGEM disse...

Obrigada a todos pelo apoio!
*Desbocado...Obrigada...*

Flow disse...

Ui, quantas vezes me apetecia simplesmente partir... sair daqui para fora, abandonar esta vida "certinha". Despois pesam-se os prós e os contras e acabamos por abandonar essa ideia.

Espero que estejas melhor :)
Um beijinho